Um problema que muitos indivíduos da sociedade moderna vêm enfrentado nas últimas décadas é a perda precoce de cabelo. Esse problema pode estar relacionado a múltiplas causas.

Geralmente a questão genética está ligada a maior parte dos casos de perda de cabelo, mas fatores como idade e estresse podem ser grandes potencializadores desse problema que afeta diretamente a autoestima e o estado de ânimos de milhões de pessoas em todo o mundo.

O cabelo está diretamente é um componente importante do atual padrão de beleza ditado pela sociedade e a sua perda muitas vezes abala a confiança da pessoa afetada. Em casos extremos pode até causar depressão, principalmente em mulheres.

Isto porque o indivíduo não se sente muito à vontade com a sua própria imagem e assim busca se isolar socialmente e tende a sofre de quadros depressivos em decorrência disso.

Dessa maneira, o transplante capilar se tornou muito mais que apenas um procedimento estético, já que ele consegue devolver ao paciente a alegria de viver. Primordialmente quando ele vem sofrendo de baixa autoestima devido ao seu problema capilar.

A importância do implante capilar para a saúde mental do paciente

Por consequência, um procedimento de implante capilar bem feito e com bons resultados pode trazer inúmeros benefícios psicológicos ao paciente. Um deles é melhorar o seu convívio e relação interpessoal com o meio social.

Portanto, um transplante capilar vai muito além do que uma simples cirurgia com fins meramente estéticos, visto que influi inclusive na qualidade de vida e garantia de saúde de muitos indivíduos.

É importante explicar como funciona e quais os processos que envolvem o transplante capilar. Muitas pessoas quando ouvem sobre esse tema geralmente pensam que se trata de uma técnica invasiva e dolorosa, mas na verdade não é nada disso.

O implante capilar engloba um conjunto elaborado de técnicas dentro de um procedimento criado por profissionais da área, com ele é possível realocar os folículos capilares ainda saudáveis, transferindo-os para a região que está sofrendo com a calvície.

Após todos os passos, o cabelo irá voltar a crescer normalmente e sem quedas. Esse fator garante que essa seja a melhor alternativa para os indivíduos que sofrem com a calvície hereditária.

O transplante capilar é realmente seguro?

Sim, trata-se de um procedimento realizado por profissional formado e especializado da área, que vai estudar o seu caso individualmente e sugerir o tratamento mais adequado para obtenção dos melhores resultados.

Todavia, antes de submeter a um transplante capilar você precisa ter em mente os seguintes pontos:

  • Pesquise por um profissional de qualidade – Assim você terá a garantia de que está fazendo um tratamento ideal para o seu caso.
  • Faça pesquisa em sites confiáveis peça referência para pessoas que já passaram pelo mesmo procedimento.
  • Nem sempre qualidade é sinônimo de preço alto – Faça um bom filtro para

garantir um preço justo e um serviço eficiente.

Você sabe quais são os tipos de transplante capilar?

Atualmente com o avanço da globalização e do desenvolvimento tecnológico, várias técnicas inovadores, produtos e equipamentos dessa área. Isso ajuda bastante nos procedimentos cirúrgicos de implante capilar.

Nota-se que não existe apenas uma maneira de transplantar cabelo, graças a tecnologias existem formas variadas de realizar o mesmo procedimento, ficando a critério do paciente e do médico, escolherem a melhor técnica para cada caso especificamente especifico.

Abaixo vamos explicar quais são os tipos de transplantes que podem ser realizados.

FUE Motorizado – Uma das principais técnicas

O transplante capilar que ocorre por meio da técnica FUE vem sendo utilizado com frequência por diversos profissionais desde o ano de 2003. A sigla “FUE” tem origem direta do inglês “Follicular Unit Extraction”.

O significado, a grosso modo, é “extração folicular unitária”. Mas o que você realmente precisa saber é que esse é um dos tratamentos mais modernos e avançados, um dos melhores para o tratamento de perda capilar.

Durante a aplicação da técnica, será necessário extrair folículos capilares íntegros e saudáveis para, em seguida, serem implantados em áreas do couro cabeludo que apresentem déficit capilar. Sendo assim os fios são pegos, um a um, por meio de um aparelho especial controlado pelo profissional cirurgião.

Para realizar a extração da área doadora, será realizado uma micro incisão circular ao redor de cada folículo capilar a ser extraído. Dessa maneira os folículos capilares poderão ser retirados, de 1 a 4 fios de cabelos, em média. O aparelho será o responsável por fazer um pequeno furo, através de uma agulha microcirúrgica, na região em que os enxertos serão implantados.

É importante ressaltar que para realizar esse procedimento será necessário se submeter a aplicação de uma anestesia local. A anestesia garante a segurança do paciente e permite que os folículos possam ser retirados de forma indolor.

Todo o procedimento pode levar um tempo médio de até 4 horas, mas dependendo da área a ser tratada é possível que esse tempo se prolongue por até um dia inteiro. Um fator que vai influenciar diretamente no tempo de cirurgia é a habilidade do cirurgião escolhido.

Porém vale ressaltar que existe algumas regras em cirurgia do tipo visando garantir a segurança do paciente. Uma delas é a imposição de um limite máximo de implantação de fios que corresponde a aproximadamente 1.800 mil fios de cabelo por sessão. Nem todos profissionais seguem essas regras, alguns implantam mais fios.

Algumas consequências após a aplicação dessa técnica são notadas como exemplo:

  • Pode-se notar que o couro cabeludo um tanto quanto dolorido e avermelhado, isso é normal durante as primeiras horas.
  • Existe relato de pessoas que observaram inchaço leve logo após a realização do tratamento, o que também é normal.
  • Dentre os resultados dessa técnica tem-se o crescimento do cabelo logo nas primeiras 2 a 3 semanas, importante informar que esse cabelo após o crescimento súbito irá cair. Essa queda capilar faz parte do tratamento e é considerada normal.

Apenas após o período continuo de 3 meses do procedimento, serão vistos novos fios de cabelo crescendo definitivamente. Mas ressalta-se que o resultado é a longo prazo e será definitivamente notado em cerca de 6 a 9 meses.

Uma das preocupações que muitas pessoas tem é sobre a cicatriz da cirurgia capilar. As cicatrizes ocasionadas durante o procedimento vão ter uma característica mais claras, contudo, serão praticamente imperceptíveis quando o cabelo voltar a crescer.

Dentre as vantagens:

  • Ele exige um tempo menor de cicatrização, proporcionando mais conforto;
  • As cicatrizes geradas são pouco visíveis e com o ganho de cabelo se tornam praticamente imperceptíveis;
  • Oferece a possibilidade de um pós-cirúrgico indolor;
  • Todos os pacientes tem uma recuperação com período curto que ocorre no decorrer de no máximo 7 dias;
  • Os resultados obtidos serão absolutamente permanentes.

Dentre as desvantagens:

  • Será necessário mais de uma sessão;
  • Obrigatoriamente o paciente terá que cortar o cabelo bem curto;
  • Terá um maior tempo de procedimento quando a área tratada for grande.

Técnica FUE Robótico

A técnica de FUE robótico é bem semelhante a técnica citada acima. Porém conta-se com tecnologia robótica para realizar a retirada dos enxertos fio a fio. Essa técnica garante que não fique nenhuma cicatriz assim fazendo com que o paciente não necessite levar pontos.

Dentre as vantagens:

  • A técnica conta com uma perfeita precisão;
  • O procedimento é rápido;
  • O paciente fica livre da necessidade de levar pontos;
  • Tempo menor tempo de recuperação;
  • Consiste de um procedimento moderno.

Dentre as desvantagens:

  • Valor alto para realização do procedimento;
  • E a necessidade de raspar toda a cabeça para realização da técnica.

Técnica FUT

É uma técnica batizada nome que em inglês significa “Follicular Unit Transplantation,” que basicamente trata-se de um método tradicional utilizado pelos médicos para realizar transplante de cabelo. A técnica foi desenvolvida no ano de 1988.

Aprimorada durante muitos anos, hoje ela trabalha com a remoção de partes lineares de folículos capilares, esses são removidos da região doadora. Sendo que na maior parte das vezes a porção doadora é retirada da região da nuca ou laterais da cabeça, próximo as orelhas.

As partes doadoras de folículos serão cuidadosamente dissecadas, para que assim seja possível separar de forma individual cada pequeno folículo, todo procedimento ocorre com o auxílio de um microscópio, para então ocorrer a colocação fio a fio na área a ser tratada.

Dentre as vantagens:

  • Será necessário apenas uma sessão, até mesmo em casos avançados com área grande a ser tratada.
  • É superior a técnica FUE.

Dentre as desvantagens:

  • Duração prolongada de sessão;
  • Pode deixar cicatrizes visíveis ao usar cabelo curto.

Transplante de cabelo para fios com comprimento longo

Conhecido como “Preview Long Hair’’, é uma técnica famosa no meio por não ter a necessidade de raspar a cabeça. O que acaba atraindo muitas pessoas, que não querer ter que raspar a cabeça para poder fazer o tratamento. Com o próprio fio grande é realizado o transplante de folículos.

Essa alternativa é perfeita para muitas mulheres, pois quando os cabelos transplantados começam a cair, não causa diferença. Além de contar com o fato de as cicatrizes não ficarem visíveis. Outro fator que agrada é que com 4 meses já é possível ver os resultados dos cabelos permanentes crescendo saudáveis.

Para o corpo cirúrgico a vantagem de realizar essa técnica está na possibilidade de ter uma visão de como será o resultado final, realizando todos os ajustes e processos necessários para atingir a perfeição da técnica.

Dentre as vantagens:

  • Não precisa cortar os cabelos
  • Cicatrização invisível
  • Perfeito para mulheres
  • Resultados visíveis em menor tempo

Dentre as desvantagens:

  • Maior tempo de cirurgia
  • Exige maiores cuidados
  • Maior probabilidade dos fios se soltarem

Técnica FUE Motorizado e Robótico ou Híbrida

Como próprio nome já diz, ela consiste em uma criação revolucionária que mistura duas técnicas populares a FUE motorizado com a FUE robótico. Essa mistura de duas técnicas tão potentes gera um resultado incrível permitindo que seja possível o implante de até 5 mil folículos capilares serem transplantados de uma vez.

Em um cálculo rápido podemos entender que em uma única sessão até 15 mil folículos capilares podem ser implantados. Pode ser uma ótima alternativa para pessoas afetadas por condições de calvície extremas, permitindo resultados mais satisfatórios. Esta técnica apresenta as mesma vantagens e desvantagens das duas individualmente falando.

Técnica de DHI

Muitos especialistas na área afirmam que essa técnica na verdade não passa de uma variação da FUE. Porém analisado cada uma cuidadosamente é possível notar as diferenças entre elas. DHI significa “Direct Hair Implantation”, algo como Implante Direto de Cabelo.

No procedimento da DHI a remoção dos folículos ocorre através de uma técnica, onde se usa uma caneta específica denominada “Choi”. Esses é um dos motivos por também é conhecida como “método choi”. Basicamente então o folículo é removido e implantado na área a ser tratada através da referida caneta.

A tal caneta choi é formada por uma agulha oca onde se insere o folículo a ser extraído. Neste procedimento o folículo retirado é transplantado de forma direta sem passar por qualquer tratamento químico. Esse processo é uma das grandes vantagens da técnica, pois permite que o folículo passe pouco tempo fora do couro cabeludo do paciente.

Nesse tipo de procedimento não se necessita fazer micro furos prévios no couro cabeludo do paciente, pois a agulha já se encarrega disso.

Dentre as vantagens:

  • Quantidade muito maior de folículos sobreviventes
  • Menor sangramento na área receptora dos fios
  • Recuperação mais rápida no pós-operatória
  • Não é necessário raspagem da cabeça

Dentre as desvantagens:

  • Cirurgião de profissionais precisam de maior tempo de treinamento
  • Procedimento mais caro em comparação com outros métodos
  • Requer maior cuidado e precisão na execução do procedimento

Resultados

Em todas as técnicas aqui descritas ocorrerá resultados iguais ou bem semelhantes. Após o transplante o paciente irá perder cabalo nas primeiras 3 a 6 semanas. Mas isso não deve causar preocupação, pois essa situação se trata de um efeito normal do tratamento e significa que tudo correrá bem.

Os resultados podem ser vistos através de até 3 a 4 meses, isso depende muito de cada paciente. Mas os resultados finais do procedimento podem ser notados por volta de 1 ano na área tratada.

Portanto, é comum que demore e se deve entender que as técnicas citadas são procedimentos cujos resultados se alcançam a longo prazo. Então, caso deseje realizar um implante capilar através de um destes métodos, tenham em mente que será um processo de médio prazo, mas com resultados satisfatórios.

Preço de cada técnica

Em relação aos preços de cada uma dessas técnicas, é importante salientar que depende muito do profissional que irá realiza-la. Profissionais com maior conceituação no meio, geralmente cobram valores altos para realizar o tratamento.

Contudo, todas as técnicas possuem custos médios que cariam entre 5 mil e 30 mil reais. O valor também depende de cada paciente, aqueles que precisam de uma área maior de tratamento terão que desembolsar uma quantia superior de dinheiro.

Por fim, lembre-se de pesquisar bem antes escolher o profissional, para garantir que seu investimento e tratamento serão satisfatórios. Afinal, o importante é que você fique realizado consigo mesmo e consiga ter uma boa qualidade de vida.

Puntuación
[Total: 0 Puntuación: 0]